Personalidades

Veja as 15 Melhores Frases do Bolsomito – [A #3 é Super Polêmica]

Jair Bolsonaro, popularmente conhecido como Bolsomito é uma das personalidades mais cotadas para ser o próximo presidente do Brasil.

Com uma personalidade marcante e doutrinas para lá de polêmicas, Bolsomito se tornou muito popular em nosso país.

O militar da reserva agita as redes sociais e já coleciona centenas de fãs no Brasil.

Confira algumas de suas frases mais polêmicas e veja um pouco da doutrina seguida por Bolsomito.

Frases Bolsomito

  1. “Fui ser deputado federal para não andar de ônibus, fusca, van, e morar bem.”
  2. “Não vou combater nem discriminar, mas, se eu vir dois homens se beijando na rua, vou bater.”
  3. “Seria incapaz de amar um filho homossexual. Prefiro que um filho meu morra num acidente do que apareça com um bigodudo por aí.”
  4. “Eu não corro esse risco, meus filhos foram muito bem educados.”
  5. “Fui num quilombo. O afrodescendente mais leve lá pesava sete arrobas. Nem pra procriador ele serve mais.”
  6. “No período da ditadura, deviam ter fuzilado uns 30 mil corruptos, a começar pelo presidente Fernando Henrique.”
  7. Bandido bom, é bandido morto!”
  8. “Não me importo no que eles fazem em quatro paredes, mas me importo com o que vai ser ensinado para as crianças nas escolas.”
  9. “Sou a favor da política de tolerância zero.”
  10. “Quero que um homossexual seja tratado da mesma forma que um heterossexual. Eles não são semideuses!”
  11. “Pela memória do coronel Carlos Alberto Brilhante Ustra, o pavor de Dilma Rousseff.”
  12. “Que moral tem esse governo para definir quem pode ou não se defender?”
  13. “Em 1999, o Estado-Maior das Forças Armadas fez um estudo mostrando que ao longo de 30 anos, na verdade, o militar trabalhava 45.”
  14. “A massa que atualmente se aposenta está até três salários mínimos, mais da metade está até três salários mínimos.”
  15. “Como se não bastasse, nós temos quase 20 mil haitianos nas mãos do MTST em São Paulo, massa de manobras, inclusive o Haddad já cadastrou no Bolsa Família.”

Gostou do artigo, encontrou algum erro ou quer dar uma sugestão? Deixe seu comentário :)