Saúde

Aprenda a usar as fotos para detectar problemas de visão em bebês e Crianças

Com a chegada do primeiro bebê, chegam também as preocupações com o seu bem-estar e desenvolvimento. Estar atento a alguns sinais que demonstram a presença de problemas de visão nas crianças é fundamental para a sua saúde.

O que muitas pessoas não sabem é que algumas das principais doenças que atingem os olhos dos baixinhos podem ser diagnosticadas através de fotos.

Nos dias de hoje, onde as redes sociais estão se tornando cada vez mais populares, tirar fotos de bebês e crianças em momentos fofos se tornou quase um hábito.

O bom disso é que o reflexo do flash presente nas câmeras é capaz de mostrar problemas de visão comuns como o estrabismo, ou raro, como o retinoblastoma.

O retinoblastoma é um tumor maligno intraocular, que pode atingir as crianças em diversas fases do seu desenvolvimento.

A leucocoria, também conhecida como ‘olho de gato’, é o principal sintoma do retinoblastoma.

Imagem relacionada

Como usar as fotos para detectar problemas de visão

Comumente aparece um reflexo vermelho em nossos olhos quando tiramos fotos em lugares escuros. Este sinal revela que a retina do olho está saudável, pois o intenso fluxo de sangue presente nessa área dos olhos fica visível por ser iluminado pelo flash da câmera.

O reflexo anormal e que merece muita atenção é aquele no qual a retina, ao ser iluminada pelo flash, reflete nas cores preta, amarela ou branca.

Este reflexo anormal pode ser notado em um ou nos dois olhos, e normalmente indica que a saúde dos olhos da criança não vai bem.

Se o reflexo vermelho só aparecer ou for menos visível em um dos olhos, pode significar que a criança tenha estrabismo, que basicamente é um desalinhamento da visão, no qual os olhos não conseguem focar ao mesmo tempo o mesmo ponto.

O reflexo branco por sua vez pode indicar doenças como: infecção, retinoblastoma e catarata.

Já o reflexo amarelo pode ser um sinal de doença de Coats, que se não tratada pode acarretar o descolamento da retina.

Ao notar algum sinal de anormalidades na visão do seu pequeno, o ideal é que você procure um oftalmopediatra para um diagnóstico preciso. Este profissional também estará apto a recomendar o tratamento adequado para o seu pequeno.

 

Gostou do artigo, encontrou algum erro ou quer dar uma sugestão? Deixe seu comentário :)