Dicas

Como proteger seu Filho das ameaças da Boneca Momo nos Vídeos do You Tube e na Internet

A boneca Momo é uma personagem fictícia de cabelos negros e cumpridos, olhos grandes e profundos, sorriso largo e pernas de pássaro.

Esse ser arrepiante está associado a uma espécie de lenda urbana, que usava o WhatsApp para enviar mensagens assustadoras àqueles que tentavam fazer contato com ela.

Semelhante ao Desafio da Baleia Azul, a boneca Momo teria o intuito de ensinar crianças e jovens a cometerem suicídios e agirem com violência.

Após diversos alertas sobre os perigos desta estranha criatura, a boneca sumiu da internet por um tempo. Mas ao que tudo indica ela está de volta, e desta vez nos vídeos do You Tube.

Momo nos vídeos do You Tube

Diversos usuários relataram que a boneca Momo teria aparecido em alguns vídeos infantis, no You Tube Kids.

A boneca estaria assustando os pequenos e ensinando-os a cometerem suicídio e a agredir outras pessoas com objetos cortantes e pontiagudos.

Este novo alerta sobre os riscos oferecidos pela Momo está deixando os pais e cuidadores de crianças de cabelos em pé. E alguns deles relataram que seus filhos estão tendo pesadelos e se comportando de forma diferente após supostamente terem visto a boneca em vídeos do You Tube.

Apesar dos relatos, o You Tube negou a presença da Momo em vídeos para crianças, revelando que não foram encontradas nenhuma imagem dela no conteúdo destinado aos baixinhos.

Porém, com esse novo aviso sobre os malefícios provocados pela Momo e outras criaturas que ensinam coisas inadequadas para as crianças, ressurge aquela pergunta:

Como proteger meu filho dos perigos e má influencias da internet?

Pois bem, essa é uma questão complexa, e que exige grande atenção por parte dos pais, tendo em vista que os efeitos deste tipo de conteúdo podem ser imensamente nocivos aos pequenos.

É muito complicado achar uma maneira de proteger as crianças de todos os riscos existentes na internet, já que por vezes esses perigos podem estar embutidos em conteúdos justamente destinados aos baixinhos.

Mas uma forma eficaz de prevenir que as crianças tenham contato com este tipo de conteúdo é a constante presença de um adulto.

Nos dias de hoje muitos pais e cuidadores deixam seus pequenos sozinhos com as telas de computadores e smartphones, o que pode expô-los a inúmeros riscos.

E por mais a tarefa de estar constantemente ao lado dos baixinhos seja imensamente desafiadora, esta é a forma mais segura e eficaz de protege-los de conteúdos e pessoas mal-intencionadas.

 

Gostou do artigo, encontrou algum erro ou quer dar uma sugestão? Deixe seu comentário :)